Egresso da Emerson compartilha sua experiência com nova turma do Projeto Pescar

Os jovens da Unidade Projeto Pescar Emerson, em Sorocaba/SP,  receberam a visita do egresso Harrison Garcia, na sexta-feira (15/09). Harrison participou da primeira turma da Emerson, em 2013.

A educadora social, Vanessa Miranda, conta que ele compartilhou como foi sua entrada no Projeto Pescar e toda a transformação que esta experiência trouxe para a sua vida: “Ele reforçou a importância da disciplina e do comprometimento dos jovens. Harrison trabalha na Emerson, está finalizando sua graduação em Administração e prepare-se para fazer um intercâmbio, para desenvolvimento da língua inglesa.”

Os jovens aproveitaram muito o encontro, pois tiveram a oportunidade de tirar dúvidas e saber sobre as etapas do Projeto Pescar.

2 20170915_110241

 

Citrosuco apresenta os jovens do Projeto Pescar para a comunidade de Catanduva/SP

A Unidade Projeto Pescar Citrosuco, em Catanduva/SP, escolheu o tema “Adolescência: a metamorfose do ser humano”, para o evento de apresentação da turma. O objetivo, explica a educadora social, Renata Sanches, foi o de sensibilizar as pessoas, para esta fase da vida dos jovens e as dificuldades enfrentadas para inserir-se no mercado de trabalho.

Os participantes do evento foram recebidos com fitas verde e amarelo, fazendo alusão ao setembro amarelo, mês de prevenção ao suicídio. Duas jovens ficaram encarregadas de explicar o assunto para os convidados, incluindo outros temas abordados pela turma, durante a Semana do Pescar na Organização, como o Programa Para Todos, de inclusão de pessoas com deficiência na Citrosuco. 

A apresentação da turma ocorreu na última semana (13/09) e contou com a presença de diretores das escolas dos jovens, CMDCA, COMAS e CRAS, vereadores, empresários, parceiros, voluntários internos e externos, gestores das áreas da empresa e egressos.

Jovens da Frameport participam do evento “Mundo SENAI”

Vários jovens egressos da Unidade Projeto Pescar Frameport, que hoje fazem aprendizagem no SENAI, tiveram espaço para expor seus conhecimentos no “Mundo SENAI”, em Caçador/SC. O evento, realizado anualmente, é aberto para visitação de estudantes de escolas e a comunidade em geral.

Segundo o educador social, Edson Sidinei Hübner, no estande sobre a produção madeireira, as portas da empresa Frameport estavam em exposição, bem como o manual com todos os modelos de portas produzidas pela empresa.

A experiência é bem significativa para os jovens e os inspira a continuarem os estudos, estimulando-os a se prepararem para a vida profissional.

Unidades recebem displays personalizados para comunicar sua participação na Rede

Um desejo antigo da Rede Pescar está sendo concretizado. As Unidades Projeto Pescar estão recebendo um material de divulgação personalizado para conquistar novos parceiros e apoiadores.

Segundo a diretora da Comunicação da Fundação Projeto Pescar, Luisa Coelho Borges, a forma mais efetiva de potencializar a adesão a nossa causa tem sido destacar o exemplo de quem já participa: “Temos certeza que a atitude do Dirigente de usar o display e o folder em locais de grande circulação de pessoas será o alicerce para a criação de novas colaborações.”

Os educadores sociais que participaram da 1ª edição do Encontro Nacional de Educadores já receberam o material de divulgação e está previsto a entrega do display e do folder para as demais Unidades, na 2ª edição do momento de formação.

Display

Displays são personalizados, isto é, tem o nome de cada empresa/organização parceira da Fundação Projeto Pescar

Banrisul

Banrisul

Destaque Panvel em Cena premia o Projeto Pescar

“O Projeto Pescar me deu uma oportunidade de ser alguém na vida, de fazer a diferença, de ser importante nesta empresa grande, que é o Grupo Dimed.” O depoimento do egresso e subgerente de loja, Lucas Guimarães Quos, foi dito para os representantes do Projeto Pescar, durante a entrega do prêmio Destaque Panvel em Cena, realizado na sexta-feira (15/09), no Theatro São Pedro, em Porto Alegre/RS.

O presidente da Fundação Projeto Pescar, Edgar Bortolini, e o presidente do Conselho Curador, Romeu Edgar Schneider, compartilharam o depoimento com as principais lideranças da instituição.

Na cerimônia, Schneider salientou a participação do Grupo Dimed na Rede Pescar: “O objetivo do Projeto Pescar é justamente dar um encaminhamento aos jovens. Ao invés de dar o peixe, ensinar a Pescar. Isto é o que nos gratifica e o que nos entusiasma para continuar com este propósito. Queremos agradecer a  Panvel por estar fazendo este reconhecimento e distinção e cumprimentar a própria Panvel por ter uma Unidade do Projeto Pescar na sua empresa, pois há 12 anos está formando jovens e dando um encaminhamento para um futuro melhor. Parabéns a Panvel e esperamos que este exemplo sirva de motivação e possa ser seguido por outras empresas e organizações.”

Romeu Edgar Schneider, Lucas Quos, Edgar Bortolini, Niura Machado

Romeu Edgar Schneider, Lucas Quos, Edgar Bortolini, Niura Machado

A educadora social do Grupo Dimed, Niura Machado, falou do envolvimento e desenvolvimento dos jovens com o programa: “Ao final de cada turma, é possível perceber a transformação que ocorre nos jovens e em suas famílias. Cada sorriso, cada lágrima dos pais e responsáveis ao verem seus filhos recebendo o certificado de conclusão de curso, cada abraço que recebemos com a frase, “obrigada por acreditar no meu filho” , nos faz ter certeza que estamos no caminho certo, mantém o brilho nos olhos e renova a esperança de cada vez fazer mais e melhor para nossos jovens.
O futuro está nas mãos da juventude, então é nossa obrigação enquanto educadores e gestores, formar profissionais éticos e qualificados, para que sigam sempre no caminho do bem. Que cada vez mais, possamos ter empresas aderindo ao Projeto Pescar, que com certeza transforma vidas.”

Prêmio Destaque Panvel em Cena – Apoiadora do Porto Alegre em Cena desde 2009, a Panvel realiza este ano a 4ª edição do Prêmio Destaque Panvel em Cena, que tem como objetivo destacar pessoas, empresas e organizações que atuam com dedicação e comprometimento para promover o bem-estar e transformar a vida das pessoas através da saúde e da cultura.

Neste ano, os premiados foram: o Projeto Pescar, o Projeto Camaleão e a diretora teatral Inês Marocco. A seleção dos premiados foi realizada por um comitê formado por colaboradores e convidados da Panvel.

O Grupo Dimed, composto pelas empresas Dimed/SA, Rede Panvel de Farmácias e Laboratório Industrial Farmacêutico (Lifar), implantou a primeira turma de jovens aprendizes em 2006 e deste então vem implementando a parceria. Ao todo, já foram capacitados mais de 150 jovens para o mercado de trabalho.

 

Protagonismo dos jovens da Citrosuco aumenta o número de leitores na unidade de Matão/SP

Os jovens da  Unidade Projeto Pescar Citrosuco, em Matão/SP, elaboraram um projeto de incentivo à leitura e a cultura. A turma, conta a educadora social, Suelen Cristina Polezi, pensou em modificar os espaços internos da empresa para tornar as atividades do programa Caixa de Cultura mais atrativos para os colaboradores:No final do mês teremos uma mobilização para construção de um jardim literário e espaço de cultura, que terá o nome de Espaço LiterArte.”

Para divulgar a ação, na semana passada, a turma fez uma exposição dos livros da Caixa de Cultura: “Os  jovens abordaram os colaboradores na saída do refeitório, o que resultou no empréstimo de 35 livros.”1

Unidade Projeto Pescar Banrisul moderniza laboratório de Informática

A Unidade Projeto Pescar Banrisul, em Porto Alegre/RS, recebeu 23 novos computadores do Banco para as atividades do seu laboratório de Informática. Do total, 20 máquinas serão utilizadas pelos jovens e três, pela administração da unidade.

De acordo com o assessor técnico e articulador do Projeto Pescar Banrisul, Fernando da Silva Ramos Filho, os equipamentos servirão para pesquisas e trabalhos nas disciplinas de Excel, Informática, Tecnologias, Contabilidade, Matemática, Empreendedorismo e Gestão, além de elaboração de documentos oficiais.

A iniciativa, promovida pelo Pescar Banrisul/Gestão de Pessoas, teve o apoio das Unidades de Infraestrutura de Tecnologia e da Unidade de Gestão Patrimonial.1

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: assessoria de imprensa do Banrisul

Jovens da Vicunha Têxtil realizam ação de incentivo à leitura

Nesta semana (14/09), os jovens da Unidade Projeto Pescar Vicunha Têxtil, em Maracanaú/CE, receberam durante todo o dia, na biblioteca da empresa, crianças de 6 a 10 anos. De acordo com o educador social, Rubens Ubiratan, a ação de incentivo à leitura foi realizada com o objetivo de mostrar para à comunidade que o livro pode ser um grande companheiro e um parceiro, além de fonte de aprendizado e conhecimento.

Unidade Projeto Pescar Eurobike promove “Fórum Estudantil” em Ribeirão Preto/SP

A Unidade Projeto Pescar Eurobike, entidades de assistência social e instituições de ensino estão promovendo um “Fórum Estudantil” em Ribeirão Preto/SP. De 11 à 15 de setembro, a turma irá voltar os olhos para  a juventude do município através do desenvolvimento de ações simultâneas, como palestras e oficinas de capacitação voltadas para a empregabilidade.

Estão previstos, atividades como: elaboração de currículos, testes vocacionais e de competências, guia de profissões e carreiras, simulações de entrevistas, processos seletivos, dinâmicas, planos de carreiras, planos de vida e metas, postura profissional, entre outros temas relacionados. Mais informações: aqui

eae6b113-f1ed-4259-95f7-1ce95095768a607bed83-ac6a-48b0-b56b-198dca0fd30b

Instituto Robert Bosch se une ao Projeto Pescar e oferece capacitação profissional para jovens de Curitiba

Neste final de ano, os jovens de Curitiba poderão se inscrever nas vagas do Projeto Pescar. O Instituto Robert Bosch assinou um contrato de parceria com a Fundação Projeto Pescar em agosto e, a partir do primeiro semestre de 2018, passa a oferecer formação pessoal e profissional para jovens na unidade curitibana da Bosch.

O presidente, Edgar Garbade, salienta que a missão do Instituto é promover a evolução social com foco na educação de crianças e jovens de comunidades em desenvolvimento por meio de projetos próprios ou em parceria:  “Estamos nos unindo ao Projeto Pescar para conhecer uma nova forma de trabalhar com os jovens. Temos 1.700 pessoas atuando nesta planta e eles terão a oportunidade de serem voluntários, levando o seu conhecimento para a turma e se envolvendo neste processo de transformação. ”

Presidente do Instituto Bosch, Edgar Garbade

Presidente do Instituto Bosch,  Edgar Garbade

Para Garbade esta experiência é incrível: “O Projeto Pescar é muito bom para os jovens e para todos os envolvidos, inclusive as famílias. Mais do que um curso, a proposta traz para os participantes uma possibilidade deles se desenvolverem, construir ou reconstruir um novo projeto de vida na adolescência, que é uma etapa decisiva da vida, onde estamos muito abertos ao novo. Estamos todos muito satisfeitos com esta parceria. ”

Como funciona – Hoje, mais de 100 empresas e organizações parceiras da Fundação Projeto Pescar, espalhadas pelo Brasil, de setores diversos, emprestam seus espaços à Fundação Projeto Pescar, onde é montada uma sala de atividades e um laboratório, a depender da demanda de cada curso.

O Programa Social Pescar dispõe de 20 áreas de iniciação profissional, que contempla 40% da carga horária total. Já os outros 60% são dedicados a formação do jovem nos aspectos de desenvolvimento pessoal e cidadania.

Essa vivência, num ambiente simulado para a aprendizagem, traz uma perspectiva concreta do que o adolescente precisa, estimulando os jovens a se prepararem para a vida profissional.