Jovens usam redes sociais para falar do Encontro de Jovens

Os  jovens, educadores sociais e voluntários usaram as redes sociais para divulgarem a sua satisfação com a participação no Encontro de Jovens. O evento é promovido anualmente pela Fundação Projeto Pescar, com o objetivo de trocar experiências entre as turmas e exercitar o que elas aprendem nos cursos de Iniciação Profissional.

Caxias do Sul/RS – Na Unidade Projeto Pescar Intral, o educador social Giorgio Olivieri, dividiu os jovens em grupos para escreverem um agradecimento. O resultado foi tão bom, que publicou todos na página da Unidade. Abaixo, dois deles:

” Nós da Unidade Intral gostaríamos de agradecer e parabenizar aos organizadores e voluntários da Fundação Projeto Pescar, por realizarem o Encontro de Jovens das Unidades da Regional Serra. Obrigada por nos proporcionarem um encontro com novas pessoas e a oportunidade de interagirmos com atividades que não sejam o uso de celular.”

“Agradecemos à Fundação Projeto Pescar pelas diversas atividades, principalmente o rale-duro, a tirolesa e o arvorismo, que são atividades completamente diferentes e que nos encorajam a deixar o  nosso medo para trás. Também achei legal que todos nós nos ajudamos bastante na hora de passar pelos obstáculos, interagimos com pessoas que não conhecemos e realizamos atividades perigosas com segurança. A Palavra da Vida é um lugar muito bom de ir para se divertir e para fazer novas amizades.”

Parauapebas/PA – A integração e o pertencimento ao Projeto Pescar, estão presentes em cada post dos jovens. No Laboratório Aliança o sentimento de família:3

Mais comentários dos jovens da Rede Projeto Pescar:

4

Regional Interior RS – A educadora social, Carla Marcarini, usou o facebook para agradecer o apoio dos voluntários no evento:
carla marcarini

Quer saber mais? Vai na #encontrojovensprojetopescar

Para a Supervisora de Unidade, Raquel Amaral, o Encontro das Regionais Serra e Interior RS, foi excelente, pois o dia estava lindo e os jovens aproveitaram bastante: “Eles se integraram, gostaram muito das atividades, foram bastante respeitosos e estavam dispostos a nos ouvir nos momentos em que precisamos reforçar as regras, então foi muito positivo ver o resultado do trabalho realizado nas Unidades através do comportamento e da postura dos jovens durante o evento.”

 

Projeto Pescar: confira onde estão as vagas no RS e como se candidatar

Mais vagas: aqui

Estão abertas as inscrições para o Projeto Pescar em empresas da Região Metropolitana de Porto Alegre. São cursos de iniciação profissional em várias áreas – as mais comuns são serviços administrativos. Em parceria com as empresas, a Fundação Projeto Pescar promove os cursos e fornece uniforme, transporte e alimentação.

Para participar, é preciso ter entre 16 e 19 anos, estar cursando a partir do sétimo ano do Ensino Fundamental, morar na mesma cidade do curso e ter renda familiar de até meio salário mínimo (R$ 468,50) por pessoa. As aulas duram o ano inteiro de 2018, mas cada empresa segue cronograma próprio sobre as datas de início. As inscrições são totalmente online e gratuitas, no site da Fundação.  Veja quais são as oportunidades:


PORTO ALEGRE
Grupo Navegantes (Rua Frederico Mentz, 1.512, loja 15)
Curso: iniciação profissional em Serviços de Logística (duas turmas)
Horário das aulas: das 8h às 12h ou das 13h30min às 17h30min
Prazo de inscrição: 22 de outubro
Informações: 3012-9834, com Nilton Oliveira Ferro, ou e-mail pescar.navegantes@dcshopping.com.br

Comunidade Juridico Trabalhista (Av. Praia de Belas, 1432, prédio 3, sala 1, andar térreo)
Curso: Iniciação Profissional em Serviços Administrativos
Horário das aulas: das 14h às 18h
Prazo de inscrição: 29 de outubro
Informações: 3255-2851, com André Cintra, ou e-mail projetopescar@trt4.jus.br

Unicred Porto Alegre (Rua General Vitorino, 330 – sobreloja, Centro)
Curso: Iniciação Profissional em Serviços Administrativos
Horário das aulas: das 14h às 18h
Prazo de inscrição: 20 de outubro
Informações: 33783505, com Nara Lopes, ou e-mail nara.santos@unicred.com.br

HERC (Av. Severo Dullius, 240, bairro São João)
Curso: Iniciação Profissional em Produção Industrial
Horário das aulas: de fevereiro a dezembro, das 7h30min às 12h30min
Prazo de inscrição: 25 de outubro
Informações: 3021-4924, com Morgana Leal, ou e-mail morgana.leal@herc.com.br

GRAVATAÍ
WEG (RS-020, s/nº, bairro Vera Cruz)
Curso: Iniciação Profissional em Processos de Bobinagem
Horário das aulas: das 13h às 17h30min
Prazo de inscrição: de 23 de outubro a 3 de novembro
Informações: 3489-2667, com Eliane Andrade do Nascimento, ou e-mail elianean@weg.net

Guaíba
Ambientaly (Rua Itajaí, 10, bairro São Francisco)
Curso: Iniciação Profissional em Serviços de Logística
Horário das aulas: das 13h30min às 17h30min
Prazo de inscrição: 24 de outubro
Informações: 3491-9313

Fonte: Diário Gaúcho

Comunidade Jurídico Trabalhista divulga o Projeto Pescar em vídeo da Unidade

Você sabia que existe uma turma do Projeto Pescar no TRT-RS? O projeto está preparando para o mercado de trabalho 12 jovens em situação de vulnerabilidade social. As aulas acontecem nas dependências do Foro Trabalhista da Capital.

A iniciativa é fruto de parceria entre o TRT-RS, o Ministério Público do Trabalho no RS, a seccional gaúcha da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/RS) e a Caixa de Assistência dos Advogados do Estado (CAA/RS), com o apoio da Agetra (Associação Gaúcha dos Advogados Trabalhistas) e da Satergs (Associação dos Advogados Trabalhistas de Empresas do Estado no Rio Grande do Sul).

Conheça o projeto!

Projeto Pescar promove Encontros de Jovens em SC, PR, SP e RS

A partir da próxima sexta-feira (29), começam os Encontros de Jovens, eventos realizados pela Fundação Projeto Pescar. A programação segue por todo o mês de outubro, realizando atividades nos estados onde há unidades do Projeto Pescar.

Os encontros visam integrar os cerca de 1600 jovens que participam dos projetos socioprofissionalizantes da fundação. Assim, eles podem trocar experiências, conhecer gente nova, se divertir e exercitar o que aprenderam no Projeto Pescar. As atividades são coordenadas por Supervisores de Unidade, Educadores Sociais, Voluntários e Parceiros.

Cada estado tem um local de encontro para os jovens. Os catarinenses vão se reunir em Pomerode, na Associação da Porcelana Schmidt, dia 29 de setembro. A coordenadora do Programa Social Pescar em Santa Catarina, Josiane Kohls, afirma que “o motivo principal do encontro é oportunizar que os jovens tenham a dimensão concreta da Rede Pescar, se integrem com outras unidades e conheçam a diversidade cultural do estado”.

Edição de 2016, no município de Morungava/RS, no Palavra da Vida Sul

Edição de 2016, no município de GRavataí/RS, no Palavra da Vida Sul

As unidades do Paraná farão seu encontro no dia 6 de outubro em Jaguariaíva.

Os paulistas se reúnem em duas ocasiões, a primeira será em Sorocaba, na unidade ZF, no dia 6 de outubro. A segunda será em São José do Rio Preto, no dia 20 de outubro, no Instituto Alarme.

Nos dias 17 e 20 é a vez dos gaúchos se reunirem no município de Gravataí, no Palavra da Vida Sul, incluindo no circuito de atividades o “Pescando Sorrisos” , em parceria com a Associação Brasileira de Odontologia – ABO.

As unidades do Rio de Janeiro se encontram na segunda quinzena de outubro, data a definir. As unidades dos estados do Ceará, Goiás, Pará, Pernambuco e Tocantins terão atividades especiais em cada município, também na segunda quinzena.

Unidade Projeto Pescar Unimed Porto Alegre promove 2ª reunião com responsáveis

Com o objetivo de fortalecer os vínculos de apoio e as relações familiares, a Unidade Projeto Pescar Unimed Porto Alegre realizou a segunda reunião de responsáveis da turma de 2017. O encontro ocorreu no ultimo dia 6 de setembro e promoveu reflexões sobre a importância do papel da família durante a participação no Programa de Iniciação Profissional em Telesserviços.

Para Sandra Leal, mãe da jovem Priscila da Rocha Leal, a reunião foi muito boa: “ Falamos sobre várias questões e sobre a família. Conhecemos as histórias de cada um e isso foi muito importante para mim. Gostei muito.”1

Unidade Diamantino inicia atividades da 1ª turma do Projeto Pescar

Desde o início de 2017, a Fundação Projeto Pescar tem intensificado uma modalidade de participação na rede: os consórcios. Para o superintendente, Ézio Rezende, “esta forma colaborativa é a melhor alternativa para chegarmos em municípios do interior e ampliarmos o número de vagas.”

Na região da serra, Caxias do Sul/RS, 15 jovens iniciaram as atividades no dia 7 de agosto, na Unidade Diamantino. O coordenador de Expansão, Marcelo Menna Barreto, conta que a dirigente da Unidade e diretora da Elo Estratégico Consultoria Empresarial, Luciana Pasquali Marcarini Gomes, e o Articulador,  Luiz Eduardo Zanette, conheceram a proposta do Projeto Pescar no Encontro de Reflexão da Associação de Dirigentes Cristão de Empresas de Caxias do Sul: “Nós realizamos algumas reuniões com lideranças do bairro e da comunidade, que foram mobilizadas por eles, para abrir a Unidade do Projeto Pescar, inclusive a Paróquia Sagrada Família, através do Padre Paulo Cesar Nodari.”

1º dia de aula do programa de Iniciação Profissional em Serviços de Comércio

1º dia de aula do programa de Iniciação Profissional em Serviços de Comércio

Consórcio – A manutenção da Unidade é dividida entre os parceiros e há investimentos financeiros e materiais para o atendimento no local. Hoje, 15 empresas e organizações compõem o consórcio da Unidade Projeto Pescar Diamantino, organizado para beneficiar os jovens de baixa renda, oferecendo uma formação que os deixa mais fortalecidos para enfrentarem os desafios do mundo do trabalho, como a conquista do 1º emprego.

Para Luciana, a experiência tem sido muito gratificante: “Ao conversar com os jovens durante o evento da ADCE e depois, ao conhecer as Unidades e as empresas e organizações parceiras da Fundação, vi uma possibilidade real de transformação.  E hoje, vendo os jovens participando das atividades na Unidade Diamantino, nos sentimos realizados, pois conseguimos mobilizar outras pessoas que também acreditam neste sonho de mostrar um caminho diferente para estes adolescentes. Mudando, desta forma, também a nossa comunidade.”

Já foram realizadas duas reuniões entre os parceiros e o interesse no desenvolvimento da Unidade é muito grande: “Além de visitar o local, eles já estiveram com os jovens e o objetivo é este mesmo, que essas pessoas possam ser uma referência para a turma.”

Na galeria de fotos, estrutura da Unidade. Conheça o local e saiba como contribuir: pescar.diamantino@gmail.com

Mantenedores da Unidade:

Mantenedores da Unidade

Unidade Refinaria de Petróleo Riograndense realiza ação de revitalização na Escola Navegantes

A 7° turma da Unidade Projeto Pescar Refinaria de Petróleo Riograndense, em Rio Grande/RS, finalizou a revitalização da Escola Municipal de Ensino Fundamental Navegantes, no dia 23/06. A ação foi alusiva ao Dia Nacional do Pescar e incluiu pintura e grafitagem do muro, postes e bancos da escola. Além disso, foram pintadas brincadeiras, como a amarelinha, para que as crianças possam participar de atividades lúdicas. A pintura foi coordenada pelo grafiteiro Guilherme Gerundo, que orientou os jovens no desenvolvimento das atividades.

De acordo com a educadora social , Márcia Piva “anualmente são realizadas ações comemorativas ao Dia do Pescar e nestas ocasiões buscamos desenvolver atividades em benefício da comunidade para motivar os jovens a exercerem a cidadania através de atos de solidariedade”.

Conforme a diretora da escola, Lucenir Pereira Machado “ficamos muito felizes com o desenvolvimento desta ação, pois possibilitou que o ambiente escolar se tornasse mais alegre, fator que auxilia no lado pedagógico”.

Já a coordenadora pedagógica, Verônica Alonso Torres salientou que “esta ação representa muito tanto para os nossos alunos quanto para os jovens do Pescar, pois o desenvolvimento deste trabalho contribui para que as crianças desenvolvam um sentimento de pertencimento em relação a escola e passem a valorizar seu espaço de aprendizado.”

Sobre a escola: A Escola Navegantes possui turmas dos anos iniciais até o 5° ano e agrega um total de 114 alunos que estudam nos turnos manhã e tarde. Os alunos foram apresentados aos jovens do Pescar e se mostraram muito felizes com a revitalização e pintura de sua escola.

 

Apresentações culturais sobre o trabalho infantil marcam o Dia Nacional do Pescar na Regional Serra

A participação dos jovens no V Seminário de Aprendizagem Profissional no Combate e Erradicação do Trabalho Infantil no RS, realizado em Caxias do Sul/RS, no dia 12/06, culminou com apresentações sobre o tema na quinta-feira (14/06), durante as comemorações do Dia Nacional do Pescar. As turmas da Paróquia São José, Consolação, Fisa e Intral usaram o teatro, vídeos, música, poesia e confecção de cartazes para expressaram a posição das turmas frente a situação de violência imposta às crianças e adolescentes.

A Unidade Fisa preparou um rap sobre o trabalho infantil; a Unidade Consolação, trouxe os problemas decorrentes do uso desta mão de obra na construção civil; a Paróquia São José falou dos benefícios do Projeto Pescar para a comunidade, inaugurando uma nova fase na vida dos jovens que participam do Programa; e a Unidade Intral trouxe o quanto a esmola é prejudicial para a manutenção desta situação de exploração.

19247941_1505868066154911_1842778646454337011_n

Evento ocorreu na Paróquia São José: além dos jovens e dos educadores sociais das turmas em andamento, participaram deste momento, as educadoras sociais das Unidades Projeto Pescar  Hospital Pompéia e Diamantino

A atividade, explica a supervisora de Unidade, Raquel Amaral, “possibilitou uma maior interação entre os jovens e um aprofundamento dos assuntos abordados no seminário. Foi muito positivo para o grupo e eles gostaram bastante, curtiram as apresentações das outras turmas e tiveram a oportunidade de relacionarem-se durante o lanche coletivo.”