Regional Paraná

Encontro interestadual reúne jovens de SC e PR em Pomerode

As Unidades do Projeto Pescar de Caçador, Guaramirim, Rio Negrinho e São José se encontraram na última semana (21/09), com as de Curitiba, Jaguariaíva e Telêmaco Borba, num encontro interestadural de jovens.
A 1ª edição do evento, previsto para ocorrer em SP, CE, RS,  foi realizada em Pomerode/SC e mobilizou 200 adolescentes de 11 Unidades, integrando as turmas e aproximando-os da diversidade de culturas, experiências e conhecimentos. Segundo os jovens da Unidade Frameport, em Caçador/SC, o encontro foi surpreendende e o grupo gostaria que ele tivesse mais tempo e acontecesse em dois dias: “Tudo foi maravilhoso!”
Veja a galeria de fotos: https://photos.app.goo.gl/LUQZorfYDwG8QiCJ8

Mais depoimentos: aqui

A programação iniciou com um piquenique ao ar livre, seguido da abertura oficial e de um momento de dança circular, que por ser cooperativa por natureza, harmonizou o grupo para as atividades do dia. Segundo a coordenadora da Fundação Projeto Pescar, Josiane Kohls, a melhor forma de aprendizado é a vivencial, pois propicia um espaço onde é possível a participação ativa do jovem: “Cada Unidade teve 10 minutos para realizar uma apresentação com o tema “Atitudes que inspiram, envolvem e transformam” e eles se superaram, mostrando a criatividade e os valores em cidadania presentes no Projeto Pescar.”

Para os jovens Anderson João da Rocha e Ana Julia Evelin de Souza, da Unidade CVG, o Encontro de Jovens superou as expectativas: “Nós achávamos que seria bom, mas foi muito melhor. Conheci pessoas novas e fiz amizades muito legais”, afirma Rocha. Ana Julia destaca a apresentação, onde cada turma se preparou para mostrar através do teatro, danças e dinâmicas o que é o Projeto Pescar: “Haviam muitos jovens e todos estavam interessados, assim como nós, em ter mais conhecimento, em formar novas amizades. Foi uma experiência incrível.”

À tarde, realizaram o grito de paz e outras atividades, como: calculadora gigante, construção da catapulta e canaletas, confecção de balangandãs e marcadores de página, além de uma visita no zoológico municipal.